Fight For Your Right (To Samba)

by Amsteradio

/
  • Streaming + Download

     

1.
2.
3.
4.
02:37
5.
00:40
6.
02:02
7.
03:43
8.

about

Fight For Your Right (To Samba)

credits

released July 24, 2014

Gravado, mixado e masterizado por Pedro Domicio no seu quarto em Laranjeiras, no Rio de Janeiro, entre Dezembro de 2012 e Abril de 2014
Baterias e vocais no estúdio Audio Rebel, em Botafogo, no Rio de Janeiro, entre Dezembro de 2012 e Janeiro de 2014

Músicas compostas por Amsteradio entre 2010 e 2013. Faixa 5
referenciada aos Beastie Boys
Letras por Gabriel Franco

tags

license

all rights reserved

about

Amsteradio Rio De Janeiro, Brazil

contact / help

Contact Amsteradio

Streaming and
Download help

Track Name: Superestação
Mais uma dose pra eu mostrar
Tudo o que eu posso fazer
Mais uma dose pra você me descartar
E eu não ter mais a quem recorrer

Você é sempre muito esperta
Com esse teu jeitinho sedutor
Você dança com quem quiser
Pra que ele se sinta o vencedor

Me contempla pra me rebaixar
Me dá corda pra me fazer acreditar
Que eu posso ser o que eu quiser
Mas no final da noite eu fico no malmequer

Falo besteira pra tentar impressionar
Escrevo algumas coisas em papel de bar
E me passo por subjetivo
Com umas frases que no fundo não fazem o menor sentido

É muito fácil pra você
Fazer valer a sua opinião
Nesse tom de supercult
Citando filmes que viu no estação

E então nos seus assuntos eu tento mostrar que eu sou especialista
Mas no meio da pista você diz ,com aquela cara, "meu filho, desista"

Me contempla pra me rebaixar
Me dá corda pra me fazer acreditar
Que eu posso ser o que eu quiser
Mas no final da noite eu fico no malmequer

Então as coisas ela começa a guardar
Saindo pela porta e deixando nosso andar
E olha só minha cara de perdedor
Tire fotos minhas com sua câmera retrô

Eu vejo todos que fingem gostar
Das suas bandas alternativas e seus modelos de all star
Eles são tolos e afogam-se no mar
Imersos no seu jogo de azar
Track Name: De Novo no Fornalha
Botou outra camisa entrou no ônibus sem pagar nada
Com os olhos vermelhos ele comeu toda a comida da casa
Ficou na porta da boate porque pra entrar ele não tinha dinheiro
Quem sabe rola alguma briga e o assunto dura mais que um mês inteiro


Aaaah, mas ele não tem remédio pra esse tédio
Lalaiá laiá laiá laiá laiá laiá
Aaaah, mas que repetitivo esse aviso
A noite vai terminar de novo, de novo no fornalha não


Gastou todo restante no show da banda mais bonita do quarteirão
Faz uns dois meses que a gente não se vê, espero te encontrar hoje a noite
Mas ela disse que não pode, e ele na sorte
Veio insistir, mas no final
Quem sabe rola um outra briga e o assunto dura mais um mês inteiro

Aaaah, e eu peço desculpa "mea culpa"
Lalaiá laiá laiá laiá laiá laiá
Aaaah, mas que repetitivo esse aviso
A noite vai terminar de novo, de novo no fornalha não

Não vem falar de pierrot e columbina
Eduardo e Mônica ou algum casal de telão
Mas o que acontece quando a gente vai embora
Só sabe quem ouvir até o final do refrão

Aaaah, mas ele não tem remédio pra esse tédio
Lalaiá laiá laiá laiá laiá laiá
Aaaah, mas que repetitivo esse aviso
A noite vai terminar de novo, de novo no fornalha não
Track Name: Samba Part 1
Ê Lá laiê
Laiê, laiá
Lalaiê
Laiê
Laiê, laiá

Botafogo devagar
Vou andar pra lá, pra cá
Botafogo devagar
Vou andar pra lá, pra cá

Ê Lá laiê
Laiê, laiá
Lalaiê
Laiê
Laiê, laiá

Bicicleta devagar
No sinal do Humaitá
Bicicleta devagar
Escaleta consertar

Ê Lá laiê
Laiê, laiá
Lalaiê
Laiê
Laiê, laiá

Minha barba vou deixar
Eu não posso aparar
Minha barba vou deixar
Eu não posso aparar

Ê Lá laiê
Laiê, laiá
Lalaiê
Laiê
Laiê, laiá

Bicicleta devagar
Botafogo, Humaitá
Minha barba consertar
Escaleta vou deixar

Ê Lá laiê
Laiê, laiá
Lalaiê
Laiê
Laiê, laiá

Ê Lá laiê
Laiê, laiá
Lalaiê
Laiê
Laiê, laiá
Track Name: LUI!
Tinha um amigo meio engraçado
Ele andava sempre por aí
Dia de semana, feriado
Violão nas costas, (Blá blá blá) whiskas sachê

Na escola meio revoltado
Saiu de sala que zoou o Miguel
E na mesa da direção com uma caneta ele escreveu
Escreveu!
Escreveu!
Escreveu!
Escreveu!
"Lui!"

Ficou sabendo de um luau
Na praia vermelha e coisa e tal
Dos 50 e tantos confirmados vieram menos de 20 no final

Só tinha cantina da serra e tava uma merda e nada mais
Entediado ele se sentou e na areia molhada ele escreveu
Escreveu!
Escreveu!
Escreveu!
Escreveu!
"Lui!"
Track Name: CMI
Conheci a garota idealizada
Desfilava toda bonita numa passarela que era a calçada
Gostava exatamente das mesmas bandas que eu
Seríamos um casal bonito assim do jeito que ela mesma prometeu

A gente marcou de almoçar
E eu até puxei a cadeira pra você se sentar
Mas eu fui avisado que no final
As coisas não seriam assim

Meu deus, mas que fiasco
Me trocou por um otário
Que ainda mais torce pro vasco
Mora longe pra dedéu

Eu não sei se desisto
Tô criando tumor e cisto
Por você sou doente/maluco
Me interna no pinel

Apesar de tudo eu achei que valia a pena insistir
Mudei um pouco o cabelo e até pensei em outro jeito de me vestir
Fingi ser simpático e que não ligava tanto
Mas pode ter certeza que no fundo eu estava mesmo era em prantos

A gente marcou de se reencontrar mas você veio com desculpas
Disse que não gostava mais desse bar
E eu já nem ligo mais porque eu sei que no final você vai ser sempre assim

Meu deus, mas que fiasco
Me trocou por um otário
Que ainda mais torce pro vasco
Mora longe pra dedéu

Eu não sei se desisto
Tô criando tumor e cisto
Por você sou doente/maluco
Me interna no pinel

Tô chegando aos 20
Cansei de menina indie
Ainda não ganhei de brinde
Uma Zooey Deschanel

Nome é com m, sobrenome com s
Não se chateie não é o que parece
Não se chateie não é o que...
Fui tentar dizer que te amo só que na hora meio que deu branco
Eu achei melhor desligar a ligação
Track Name: Faixa Última
Meu bem nós vamos ficar velhos
Já faz 3 anos que passaram 3 anos
Do dia mais legal da minha vida
Do dia mais legal da sua vida também

Meu bem aquele casal bem velho
Que se casou numa data distante
Foi muito tempo mas não o bastante
Não são felizes, será que tá tudo bem.

Todas as músicas que a gente ouve
Vão ficar bregas e os jovens não vão entender
Não vai ter nada pra dançar de noite
Só um monte de contas e jornal na tv

Vamos olhar naquela foto antiga
Você sorrindo com a sua amiga
"cabelo estranho e roupa esquisita"
Tenho certeza que é isso que vamos dizer

Quando tivermos nos 70 e poucos
Mas minha neta não tem nenhum pudor
Essa saia tá curta de novo
No meu verão não fazia assim tanto calor

Todas as músicas que a gente ouve
Vão ficar bregas e os jovens não vão entender
Não vai ter nada pra dançar de noite
Só um monte de contas e jornal na tv

Às vezes eu me pergunto se eu me diverti o bastante
Ou se o bastante não foi o bastante pra mim então
Deixa pra lá, eu vou entrar no computador
Ela foi se esquecer do telefone e ao se arrumar ela demorou

Agora vou pegar o meu ipod
E mostrar músicas que você goste
Mas não me faz essa cara esnobe
O tempo vai passar e a gente nem vai perceber